O PODER DAS ESCOLHAS NO DESENVOLVIMENTO DA AUTOESTIMA E DO AMOR PRÓPRIO

o poder das escolhas, autoestima, amor-próprio, psicóloga online, terapia online

AS ESCOLHAS PESSOAIS
E SUAS RELAÇÕES COM
AUTOESTIMA E AMOR PRÓPRIO

 

Você sabe o quanto as escolhas podem te ajudar a ter mais autoestima? Enquanto psicóloga clínica tenho observado o poder das escolhas pessoais no desenvolvimento do amor próprio e da autoestima. O poder da iniciativa, da proatividade, da atitude como se diz mais comumente, é fundamental para o desenvolvimento pessoal.

Para vencer na vida vamos precisar fazer escolhas, planejamentos e ter alguma estratégia, mas para as escolhas serem coerentes com a metas que queremos atingir, precisamos ter uma boa autoestima e amor próprio.

No âmbito da Psicologia, a presença do amor próprio e da autoestima, são fundamentais na vida do indivíduo porque quanto mais a pessoa se valoriza(sabe das suas capacidades), se conhece (aceita que tem virtudes, mas também defeitos, pontos fracos que precisam ser trabalhados), mais chances tem de fazer escolhas para se se desenvolver pessoalmente, nos relacionamentos, família, amigos, cônjuge e profissionalmente.

Assim como a borboleta precisa sair do casulo, passar por metamorfose para se desenvolver, muitas vezes precisamos sair da zona de conforto, olhar para nós, saber quem somos , enfrentar crises, medos, para podermos viver a vida na sua plenitude.

O QUE É O AMOR PRÓPRIO
E A AUTOESTIMA???

 

Mas você deve estar se perguntando o que, de fato, é a autoestima? Para entendê-la melhor vamos começar pelo amor próprio. O amor próprio nada mais é do que um sentimento de estima e de dignidade que a pessoa sente por ela mesma ou não. Por isso a autoestima pode estar baixa ou alta.

Sentimento este, que é desenvolvido na infância, primeiro na família, através do olhar dos nossos pais, ou seja, do amor, do respeito e do acolhimento recebidos, depois na escola onde também esperamos ser acolhidos, amados. Quando a família e a escola, cumprem seu papel, aceitam nosso modo de ser em vez de nos criticar e desejar que sejamos diferentes, a tendência é crescermos com uma autoimagem positiva ou com o que chamamos de autoestima.

autoestima, sigmund freud, psicanálise, psicólogo online, terapia de bolso, terapia online
Sigmund Freud, o pai da psicoterapia

A autoestima é o julgamento, a apreciação que cada um faz de si mesmo, sua capacidade de gostar de si. Trata-se portanto de um processo mais amplo, pois a autoestima abrange o amor próprio, a forma como a pessoa se vê, as atitudes positivas e ainda autoconhecimento.

O amor por si mesmo é a base da construção da autoestima, como dois sentimentos que se completam.

O PAPEL DO AUTOCONHECIMENTO
NO DESENVOLVIMENTO DA AUTOESTIMA

 

Se conhecer é fundamental. O autoconhecimento foi objeto de estudo de vários filósofos, começando por Sócrates, o filósofo grego, que passou a buscar respostas para o seguinte questionamento: Conhece- te a ti mesmo!

Esta famosa frase foi dita pelo oráculo de Delfos ao famoso filósofo Sócrates que a usou como a pedra fundamental da sua filosofia. Passou toda a sua existência a estimular o homem a se conhecer. Bem como a Leibnz no século XVII, e Hegel, mas esse é um tema acadêmico e a aqui quero falar mais como um bate-papo informal.

Freud, pai da psicanálise, também se interessou em buscar pelo autoconhecimento a partir da teoria de Sócrates, ao fundar a teoria do inconsciente, que se compara através de uma metáfora, a parte inferior do iceberg, parte essa que fica submersa, onde não temos fácil acesso, e onde para ele, a maior parte das nossas ações seriam direcionadas mais pelo inconsciente, do que pelo consciente, que seria a superfície do iceberg.

iceberg-freud-psicanalise-autoestima-psicologa-online-terapia-onlinePara entender essa questão, é só pensar nas vezes que você fez escolhas e tomou decisões incoerentes, ou então deixou de escolher como deveria. Não se preocupe, você não é a única pessoa a agir assim, essas contradições, dificuldades para agir, chamamos de conflitos emocionais, que muitas vezes prejudicam a vida cotidiana sem sabermos o por quê, o motivo. Esses conflitos por sua vez, em psicanálise, chamamos de neurose.

O objetivo da psicanálise, é tornar consciente essas neuroses, através dos insights (compreensão súbita de alguma coisa ou situação, discernimento), para elaborar e promover a resolução do conflito, por isso Freud postula que devemos olhar para dentro, para as nossas profundezas, onde devemos primeiramente, nos conhecer (Edição Standard Brasileira das Obras completas de Sigmund Freud, Uma Neurose Infantil e outros trabalhos, 1917-1918, Editora Imago) ou seja, o caminho mais viável para uma Autoavaliação positiva é o autoconhecimento.

O maior desafio do ser humano é desejar se autoconhecer para saber de suas competências e suas falhas, para assim evitar possível sofrimento. Mas ainda há pessoas que preferem ignorar, e passam o resto de suas vidas achando que é culpa do destino, e você o que prefere, conhecer e enfrentar seus medos ou se esconder?

Como a autoestima está presente em tudo o que fazemos, a maneira como nos vemos vai determinar as metas que escolhemos, e o modo de nos relacionarmos com as pessoas.

Porque eu sou do tamanho do que vejo
e não da minha altura

Fernando Pessoa

 

autoestima-psicologa-online-terapia-online

Se possuímos uma baixa autoestima, iremos preferir metas que estejam claramente abaixo da nossa capacidade de desempenho, ou então ficaremos com medo de fazermos escolhas.

Por outro lado, isso acabará com as possibilidades de sairmos da nossa zona de conforto e, consequentemente, de atingirmos o nosso potencial. Só que a vida consiste em fazer escolhas, a cada momento estamos escolhendo, por exemplo o que vamos comer, vestir, onde sair, com quem se relacionar e etc.

As relações que mantemos com os demais também pode ser afetada pela baixa autoestima, através de uma “timidez camuflada” que se torna num grande empecilho para sermos assertivos. Muitas vezes gerando um sentimento de inferioridade frente aos demais e faz com que ajamos como tal.

Além disso, a baixa autoestima contribui para o desenvolvimento de pensamentos negativos. Certamente você já presenciou alguma vez a seguinte cena: uma pessoa recebe uma recompensa que merece, pode ser um elogio, uma promoção no trabalho, no entanto, você pode ver em seus olhos que ela não pensa assim e ainda pode até verbalizar que não merecia.

Dessa maneira, uma imagem negativa de nós mesmos nos impede de aproveitar o que conseguimos e, portanto, de celebrar como merecemos, ou seja é uma auto sabotagem, sentimento de menos valia.

6 DICAS
DE UMA PSICÓLOGA
PARA MELHORAR SUA AUTOESTIMA

1

NÃO HÁ REMÉDIO MELHOR DO QUE SE CONHECER, SE AMAR!!!

 

O amor-próprio é capaz de fazer com que você atraia tudo o que deseja. O amor próprio é o termômetro da vida saudável, quanto mais amor próprio, maior a possibilidade de se relacionar com as pessoas, compreendê-las.

Quem se ama, se conhece, se aceita e não se preocupa em agradar os outros. Cada pessoa tem uma história de vida, e dessa forma vai trilhar caminhos de acordo com o que acredita e acha que é bom para si.

Aprender a se colocar em primeiro lugar
não é egoísmo, nem orgulho
É amor próprio

Charles Chaplin

 

2
NÃO COMPARE A SUA VIDA COM A VIDA DOS OUTROS

 

Não podemos usar a vida alheia como parâmetro porque não temos o conhecimento dos caminhos que a pessoa percorreu para atingir seus objetivos. Não podemos diminuir nem valorizar os problemas dos outros, pois cada indivíduo vai reagir na vida de acordo com o seu repertório comportamental, ou seja, sua história de vida, que é única.

Olhe para trás e faça questionamentos: como estou hoje,o que mudou? o que preciso melhorar?Se compare com você mesmo. O que não fazia ,que hoje faz? veja o quanto amadureceu, mudou de atitudes.

Mantenha o foco na sua vida, porque quem se concentra em observar a vida dos outros não progride, não vive!!!

3
PERMITA-SE FAZER O QUE GOSTA!

 

A pessoa muito metódica, perfeccionista, não se permite divertir, ter lazer, namorar… porque só tem obrigações!!! Tem pessoas que deixam de passear, visitar lugares, conhecer pessoas interessantes, fazer novas amizades, porque sempre andam muito ocupadas.

A vida se torna um fardo, quando o indivíduo usa as responsabilidades como escudo para não viver. Portanto, use o tempo ao seu favor!!!

Priorize sua vida para ter lazer, cultivar um hobby, praticar exercícios, ler um bom livro, assistir filmes, escutar música, estar ao lado das pessoas que ama, aprender um idioma, tocar um instrumento, provar uma comida diferente, enfim, são inúmeras as possibilidades, mas é preciso ter disponibilidade para fazer acontecer.

4
RECONHEÇA SUAS CONQUISTAS

 

Tudo que você adquiriu na vida foi através de conquistas e foi preciso fazer escolhas para chegar aos seus objetivos.

Então, reconheça suas conquistas, por exemplo, a pessoa que presta vestibular e passa, precisa comemorar esse fato, o profissional que anseia por uma promoção e consegue… outra situação, a aquisição de um bem(casa própria, carro…), a viagem dos sonhos…enfim, valorize suas vitórias.

5
APRENDA QUE É POSSÍVEL RESSIGNIFICAR
SUA EXISTÊNCIA

 

Comece a fazer algumas reflexões sobre como você está hoje: As atitudes que tomou na vida foram adequadas? Acha que é falta de sorte? Pensa que faltou incentivo dos pais, de alguém, para poder ter tido uma boa profissão, um emprego melhor?

Se você disse sim para uma ou todas as questões acima, necessita ressignificar sua existência. Como? Assumindo sua vida, não culpando os outros, sendo autor(a) da sua história, se responsabilizando pelas decisões, pela forma como se comporta. Ninguém pode viver ou escolher por você. Reaja, mude, tome um rumo.

Toda reforma interior e toda mudança para melhor dependem exclusivamente da aplicação do nosso próprio esforço


Immanuel Kant

 

 

6
INTERAJA, SE RELACIONE!!!

 

Somos seres sociais, saia do casulo, não se isole!!! Quem se relaciona é mais feliz, cultive as amizades.

Ao interagirmos tiramos o foco de nós mesmos, dos problemas e com isso passamos a efetuar trocas , compartilhar momentos bons e com isso a vida se torna mais atraente, tranquila.

Ninguém escolheria uma existência sem amigos,
mesmo que fossem oferecidas todas as outras coisas do mundo

Aristóteles

videochamada,-videocinferencia-psicologaonline-como-melhorar-a-autoestima-terapia-online

ORIENTAÇÃO PSICOLÓGICA ONLINE
PARA AUTESTIMA E MOTIVAÇÃO

 

O indivíduo que se valoriza consegue conquistar seus alvos e estes sempre se tornam cada vez maiores, porque a pessoa se arrisca mais. Escolhe e arca com suas decisões, não se importa com os julgamentos alheios. A pessoa confiante acredita em suas capacidades, vive sem medo de errar, é mais ousada, disposta a mudar, desse modo, vive com mais liberdade.

Alguém com essas características se torna um imã, quem não gostaria de ter por perto?

Reflita sobre os caminhos que tem traçado, nas escolhas que tem feito e acima de tudo, faça a pergunta crucial: Minhas atitudes, minhas decisões me levam a algum lugar, me trazem paz interior? A forma como me relaciono comigo e com o mundo demonstram amor próprio?

Invista em você, se notou que não está vivendo como gostaria, não consegue se relacionar, duvida das suas capacidades, falta ânimo, força, busque ajuda, procure um psicólogo que possa te ajudar a mudar seu estado mental e emocional e aprender a valorizar seus pontos positivos e se amar.

Caso tenha gostado do texto e acredite que eu possa te ajudar convido você para se conhecer melhor. Visite o meu consultório virtual. Caso não haja o horário que procura, entre em contato e combinaremos algo melhor.

Termino aqui com uma sábia frase do escritor nobel Hermann Hesse, que em minha opinião define bem um processo terapêutico. Um abraço e até a próxima!

Nada posso lhe dar que já não exista em você mesm nada posso lhe dar a não ser a chave e um impulso não posso abrir-lhe outro mundo além do que há em sua própria alma

Hermann Hesse

COMENTÁRIOS

comentários

Daniela Poles Ribeiro

Sou Psicóloga clínica, atuo como psicoterapeuta na abordagem analítica a 13 anos, na cidade de Tatuí, interior de São Paulo, onde tenho consultório particular, atendo crianças( somente no presencial), adolescentes(presencial e online) e adultos(presencial e online). A minha especialização foi na área de Saúde e Bem-Estar e meu TCC foi sobre A importância da Autoestima na Saúde e Bem-estar. Acredito no ser humano e na sua capacidade de se reinventar frente aos problemas, e vejo em cada crise uma oportunidade para o crescimento, mas para ocorrer uma metamorfose, só é possível mediante o autoconhecimento e uma boa autoestima, pois sem estes pilares , dificilmente a pessoa poderá se desenvolver de forma plena. Convido você a se conhecer melhor e a experimentar a psicoterapia (CRP 06/84206.

Comments are closed.